Mau com u e mal com l → Qual a diferença e qual usar?

A linguagem escrita pode nos trazer algumas pegadinhas, se pra falar mau com u e mal com l não possuem diferença, na escrita faz muita diferença a grafia.

O português apresenta várias dessas pegadinhas, que podemos confundir principalmente se não ficarmos atentos.

Abaixo falaremos um pouco sobre cada uma das palavras, podendo perceber a diferença entre as mesmas, para conseguir usar a grafia correta nas diferentes situações em que necessitar usar alguma delas.

Vamos lá!qual a diferença entre mau com u e mal com l

Mau com u e mal com l → Qual a diferença e qual usar?

A diferença entre mau com u e mal com l é bem simples, veja abaixo a definição de cada uma das palavras e como distinguir as mesmas.

Mau com u

É um adjetivo e é antônimo (contrário) de bom.

Sempre que puder substituir por bom e a frase ainda fizer sentido, apesar de demonstra o contrário da ideia dita antes, deve usar a palavra mau com u.

Exemplos de utilização:

“Ele teve um mau comportamento hoje.” > “Ele teve um bom comportamento hoje.”

“João é mau.” > “João é bom.”

“O funcionário teve um mau desempenho.” > “O funcionário teve um bom desempenho.”

Resumindo: Substitua a palavra mau pela palavra bom, se a frase fizer sentido então a palavra deverá ser grafada com u.

Mal com l

Nesse caso a palavra pode possuir um número maior de significados, podendo ser advérbio, substantivo comum ou conjunção.

É antônimo (contrário) de bem.

Pode-se substituir por bem somente se for advérbio e substantivo sem que isso altere o sentido da frase, mas muda os significado da mesma.

Como advérbio pode sugerir alguma coisa feita de forma errônea, incompleta, com má vontade(intencional ou não).

Como substantivo visa exprimir uma calamidade ou algo de ruim, podendo ser uma doença, enfermidade, aflição, pesar, etc.

Como conjunção temporal significa “logo que”, “nem bem”, “assim que”, “tão logo” e pode ser substituído pela expressão sem que isso altere o sentido da frase.

Exemplos de utilização:

Mal chegou e já me interrompeu.” > “Nem bem chegou e já me interrompeu.” (conjunção)

“Devemos combater o mal.” > “Devemos combater o bem.” (substantivo)

“José escreve muito mal.” > “José escreve muito bem.” (advérbio)

“Eu estou passando mal.” > “Eu estou passando bem.” (advérbio)

Resumindo: Sempre que puder substituir por bem e a frase não ficar com o sentido estranho poderá usar a grafia com l. Sendo que, no caso da conjunção temporal, deverá ter atenção pois a mesma não segue essa regra mas, sim, representa que a pessoa acabou de chegar e já tomou alguma atitude.

Conclusão sobre a grafia de mau com u e mal com l

É bem simples descobrir qual usar na grafia.

Basta lembrar que:

Mau com u é contrário de bom e mal com l é contrário de bem (exceto se for conjunção).

Seguindo isso poderá poupar tempo e escrever com a grafia correta.

Espero que o texto tenha lhe ajudado a ver qual a diferença entre mau com u e mal com l, qualquer dúvida, sugestão ou experiência deixe-nos um comentário para que possa ajudar um número maior de pessoas.

Compartilhe essa informação:

5/5 (1)

Por favor, avalie esse artigo:

Você pode gostar...

1 Resultado

  1. 16 de junho de 2017

    […] artigo é bem interessante, após escrever um sobre a diferença entre mau e mal, agora é a vez de escrever um sobre qual a diferença entre bom e bem, que são antônimos, […]

Deixe uma resposta

shares